21.08.07

Quando ela pensava no adeus,
sentia uma vontade de açúcar,
compota de morango ou figos bêbados.
Qualquer coisa com pigmentos,
com pés de cidade ou ruído azul,
que a libertasse do torpor recortado
pela manhã de um novo penhasco.

Quando ela pensava no adeus,
ficava estática, alcatroada ao chão
porque não sabia como ir-se embora
.

 

Aqui:http://acarosnoarmario.blogs.sapo.pt/

[Sem muita festa,nem um post declarado a anteceder.Amanha logo se vê se consigo.]

publicado por hanna às 23:55

 

Fiz tudo mal.Hoje só te vejo defeitos.Falta-me tanto..faltam-nos tanto.

~[amor,faltam-nos tanto amor]~

Atraio relações de arame farpado:que picam,doem,fazem sangrar,sufocam.

 

Foto:Britta Lamberty

 

publicado por hanna às 23:41

OLhos tristes,cabelo em desalinho,sorriso forçado,imitação daquilo que sou.E estou assim..a criança pequena que age como tal.que um dia disse:"sou tal e qual uma criança pequena,que quando passa por uma loja quer algo e faz birra até ter essa coisa."todos os passos foram feitos.gostei,cobiçei,fiz birra,bati pé e tive.Mais feliz??Não nem por isso.

 

 

foto:marilia campos

publicado por hanna às 02:32

Não gosto de compassos de espera!tempo perdido não me agrada,dias gastos não me cativam.

publicado por hanna às 02:20

Continuando a derreter o gelo...
mais sobre mim
Agosto 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
11

12
13

19
22



arquivos
2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2007:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2006:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


pesquisar
 
subscrever feeds
blogs SAPO